57219ac05f1003c70fdfd21c 564b6845e7c607cc585c3b4a O STRESSED WORRIED WOMAN STOCK THINKSTOCK OWN Facebook 1030×515

COMO TREINAR SUA MENTE A SE LIVRAR DO SOFRIMENTO EM 04 PASSOS

No momento o planeta e o Brasil passam por situações difíceis. Hoje mais do que nunca, se faz necessário ter mais consciência de que uma postura pacífica, centrada e firme nos liberta. Ficar preso na mente que só nos traz a repetição de sentimentos e nas conclusões calcadas no passado pode ser limitador e nos proporcionar ainda mais sofrimento.No momento o planeta e o Brasil passam por situações difíceis. Hoje mais do que nunca, se faz necessário ter mais consciência de que uma postura pacífica, centrada e firme nos liberta. Ficar preso na mente que só nos traz a repetição de sentimentos e nas conclusões calcadas no passado pode ser limitador e nos proporcionar ainda mais sofrimento.

Nossa realidade só existe no instante em que olhamos para ela e damos significado aquele momento. Através da escolha consciente podemos acessar uma nova experiência que não estará ligada a nenhuma outra do passado, seja em memórias ou emoções.

Essa nova postura no dia a dia trará o potencial que estamos precisando para efetivamente mudar o que não queremos mais em nossos pensamentos. Lembrando também que o que está dentro de nós está fora nas situações e nos relacionamentos.

4 PASSOS FÁCEIS PARA SEU DIA A DIA

1 – Desarme sua programação neural sorrindo

Observe seus pensamentos e emoções com frequência. Feito isso, sempre que perceber que está sofrendo com algum pensamento, comportamento ou sentimento, tena acessar uma recordação em que sorriu ou tente começar a sorrir imediatamente.
Não precisa fazer sentido. Simplesmente ria.
Ao ir para o extremo oposto de sua emoção negativa – por meio de uma simples risada – você interromperá a sinapse da ramificação neural que alimenta e reforça em seu sistema o sofrimento já registrado anteriormente. Com esta quebra de padrão, ficará cada vez mais fácil seguir em frente em direções novas e criativas. Quanto mais se esforçar em perceber seus pensamentos e ações, maiores os resultados positivos neste exercício.

2 – Relaxe com a técnica da respiração cruzada

Técnica desenvolvida por George Pratt, Ph.D., e Peter Lambrou, Ph.D – “Um programa natural de quatro passos para ativar a alegria natural que existe em você”. Com este exercício de respiração você terá a oportunidade de reequilibrar seu sistema neuromuscular.

• 1 Sentado, cruze o tornozelo esquerdo sobre o direito.
• 2 Apoie a mão esquerda sobre o peito, de forma que os dedos fiquem sobre o lado direito da clavícula. Depois, cruze a mão direita sobre a esquerda, de forma que os dedos desta mão fiquem apoiados sobre o lado esquerdo da clavícula.
• 3 Inspire pelo nariz e expire pela boca. Ao inspirar, deixe a língua tocar o céu da boca, bem atrás dos dentes superiores. Ao expirar novamente, toque os dentes inferiores com a língua.
• 4 Continue respirando de forma suave, durante 2 minutos.
• 5 Terminado o exercício, continue seus afazeres normalmente.
• 6 Vale lembrar que este exercício pode ser utilizado em qualquer lugar ou circunstância.

3 – Mexa o corpo para aliviar tensões

Você já deve ter ouvido falar que colocar o corpo em movimento – seja caminhar, dançar ou até socar – alivia tensões. Mas este resultado pode ser potencializado se você associar estes exercícios com a intenção correta.

Os exercícios físicos produzem muitos benefícios, dentre esses a produção de endorfina, chamada de hormônio do bem-estar. Ela é uma substância química utilizada pelos neurônios na comunicação do sistema nervoso, que, ao ser transportada pelo sangue, faz comunicação entre células. Além do seu efeito analgésico, acredita-se que as endorfinas controlam a reação do corpo à tensão, regulando algumas funções do sistema nervoso, que determinam o humor. Elas também podem regular a liberação de outros hormônios e ajudar na memória, imunidade, dores, concentração, vida sexual e muito mais.

Com este aliado natural, devemos aproveitar os momentos em que nos exercitamos para liberar os sentimentos negativos e conscientemente escolher pensar em toda a alegria que gostaríamos de sentir.  Alimente pensamentos de alegria e paz. Use a atividade que mais lhe agrada e tenha total consciência de seu corpo e atenção aos sentimentos que está produzindo, pois eles estão sendo registrados e é isso que vai gerar o efeito para sua vida.

4 – Pratique a simplicidade da observação

Este hábito é um dos mais saudáveis e difíceis que devemos desenvolver no nosso dia a dia. Observar a natureza é sempre muito agradável, mas observar o ser humano pode ser bem difícil. Observar a si mesmo é ainda mais desafiador. E observar sem julgamento, então, é uma coisa que para a maioria é inconcebível e inatingível. Mas é onde devemos colocar nossos maiores esforços, minuto a minuto. Este exercício pode mudar para melhor toda uma historia de vida:

• Comece percebendo onde você está. Qual luminosidade, sons e temperatura do local. Observe as pessoas ao seu lado, como falam e como se portam. Só observe-as, sem julgamentos. Apenas constate. Enquanto o julgamento gera emoções, a constatação não, são apenas fatos. Se você consegue constatar, sem julgar, terá com certeza menos da metade de problemas que a maioria cria.

• Talvez seja bem difícil, mas não desista nunca. Vai valer cada minuto.

Muito importante – Estes exercícios, aos poucos, vão fazer você ver como está seu conhecimento sobre seus pensamentos e sentimentos, que devem ser corajosamente olhados para serem integrados. Assim, o próprio exercício de se abrir para o novo terá ainda mais força dentro de você.
Escolha viver com mais leveza e melhor. Bom treino mental!

Ana Cristina Sewaybriker
Psicóloga especialista em Psicossomática e Comportamental

Rua Ana Pereira Melo, 253 11º. Andar sala 1112 –  Vila Campesina –  Osasco – SP Whatsapp  96394-9194
Fone:2576-2616
ana.cristina@psicoservice.com.br